Faltando uma semana para o Natal, clima é de otimismo no Bragança Garden Shopping

Já no próximo dia 19 o Garden começa a fazer horário diferenciado e lojistas se preparam para receber um grande número de clientes

Após os últimos anos de recessão e queda nas vendas do comércio, a reação da economia deve ajudar a reaquecer o varejo. O setor prevê que o Natal de 2018 terá o melhor desempenho dos últimos quatro anos. Entre os fatores apontados estão o controle da inflação, a consequente queda nas taxas de juros e a melhora do mercado de trabalho.
E no Bragança Garden Shopping esse cenário otimista tem tomado conta desde o fim do mês de novembro. A expectativa de crescimento de vendas no Garden é de 8% em relação ao Natal do ano anterior. “Estamos preparados para deixar o Natal do bragantino ainda mais especial. O Shopping já conta com as melhores opções de compra reunidas em um só centro, além disso, preparamos uma variedade incrível de atividades para a família e um super prêmio para fechar o ano com chave de ouro. Tudo pensado e preparado com muito carinho e dedicação para que nossos convidados tenham a melhor experiência possível”, ressalta Silas Costas, Superintendente do Shopping.
E faltando uma semana para o Natal os comerciantes estão cada dia mais animados pois o movimento no Garden tem sido grande. Seja para compras de última hora, presentes para toda a família ou para comprar aquela lembrancinha de amigo secreto, essa última semana será movimentada para os lojistas. E a dica é: aproveitar o horário estendido do shopping, que começa no próximo dia 19, para ir às compras com mais tranquilidade e conseguir fazer tudo a tempo.

Mercado

Uma recente pesquisa realizada em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) revelou que as projeções permanecem no mesmo patamar do último ano e indicam uma injeção de aproximadamente R$ 53,5 bilhões na economia. Além disso, espera-se que mais de 110,1 milhões de consumidores presenteiem alguém no Natal de 2018. Em termos percentuais, 72% dos brasileiros planejam comprar presentes para terceiros no Natal deste ano, número que se mantém elevado principalmente nas classes A e B (83%).
Por mais um ano, as roupas permanecem na primeira posição do ranking de produtos que os consumidores pretendem comprar para presentear no Natal (55%). Calçados (32%), perfumes e cosméticos (31%), brinquedos (30%) e acessórios, como bolsas, cintos e bijuterias (19%), completam a lista de produtos mais procurados para a data.

Nenhum Comentário

Deixe um comentário